17 outubro, 2010

outrora; o mar cheirava a maresia

outrora; Vasco da Gama e seus pares fizeram uso de caravelas para irem em busca de ouro e especiarias. hoje; estes sacanas afundam-nos com submarinos, levam-nos os aneis e os dedos, porque o ouro já há muito que sumiu. outrora; o mar cheirava a maresia, hoje cheira a gatunagem.

5 comentários:

Papoila disse...

Esse teu sentimento é partilhado por toda a "arraia miúda" da qual faço parte.
BF

Claudinha ੴ disse...

Olá Antonio,
não é só aí. Aqui também temos problemas assim. Mas você narra de maneira poética, esta é adiferença ...
Beijos

© Piedade Araújo Sol disse...

pois é...

mas o mar ainda cheira a maresia...

um beij

Ana disse...

O mar ainda cheira a maresia.
E estende toalhas de espuma sobre um areal imaculado.
Ainda voam gaivotas sobre o mar que eu observo.
Abraço.

kurika disse...

Também... mas de quando em quando também cheira a maresia...a peixe fresco...ou a sal!!!

Bj