02 março, 2007

(fotografia chuvamiuda)
(clicar na imagem)

porque teimam em gritar-me aos ouvidos, não adormeças, não adormeças. toma em mãos, esta, aquela e a outra causa. porque será que quando tiram as mãos dos bolsos, invariavelmente é para apontar o dedo. invariavelmente é para entregar noutras mãos as causas incómodas.

antónio paiva

Bom fim-de-semana a todos.


21 comentários:

ana disse...

É assim mesmo: quando muito nos gritam aos ouvidos, fica-nos essa necessidade de soltar um grito de alma!
Quem não se sentiu, uma ou outra vez, no limite daquilo que pode suportar?
Depois há outra madrugada, vem outro dia e as forças reaparecem, milagrosamente, para seguirmos os caminhos da vida. De mãos nos bolsos, ou de mãos estendidas para dar e receber. Há causas incómodas que também batem à porta de quem vive de mãos nos bolsos. O mundo gira, todavia. Se não somos capazes de mudá-lo radicalmente, não desistamos dos pequenos passos que formos capazes de dar.
Beijinho.

rascunhos disse...

como são verdadeiras as tuas palavras...

um bom e azul fim de semana
bjs

Isabel-F. disse...

".......
porque será que quando tiram as mãos dos bolsos, invariavelmente é para apontar o dedo.
....
...."

Poucas palavras e tanto que dizem ...


bom fim de semana
bjs

MiguelGomes disse...

Bom fim-de-semana,
Miguel

kurika disse...

Ora nem mais...

...que engraçado escreveres estas coisas...a minha vida anda um tanto ou quanto desorganizada...

...ando a "dormir" com um cliente que me anda a apontar o dedo, como dizes, e eu só tenho andado a reparar os seus próprios erros e incumprimentos...e de noite e de dia tenho dedicado os meus dias à sua causa...claro que não vale a pena...
...claro que me apetecia manda-lo para o outro lado...mas não posso!

Tenho que me reerguer...

Desculpa a ausência...os motivos não são os mais nobres...mas o meu escritório passou a ser a minha casa...

...já me estiquei demasiado...

Um beijinho grande

Bom fim de semana

Claudinha disse...

Há muito o que refletir em seus dizeres Antonio, porque é uma grande verdade. Eu me sinto como um pára-raios, tudo despenca sobre mim... Um beijo!

Afonso disse...

A verdade em forma bonita à vista. Gostei bastante!

Bom fim-de-semana . . .

avelana disse...

a causa está em nós e não naqueles que apontamos a dedo

um abraço

kurika disse...

Hoje, ...em casa e mais serena, leio-te e aguardo por novidades...

Quando é que vens ao "Continente" promover o lançamento do novo Livro?

Somos muitos os que aguardamos...

Um bom fim de semana

Um xi

DairHilail disse...

passee por cá...envolta no vento...colto a partir com o vento, mas adorei tudo o que li!
parabéns!
fica bem!

david santos disse...

Olá!
Para ti também.
Abraços.

Jofre Alves disse...

Texto e imagem de braço dado com o mais fino gosto. Óptimo fim-de-semana.

segurademim disse...

... porque sentem receptividade senão nem adiantaria


só acontece aos permeáveis ... os muros são só de lamentações


beijo . bom fim-de-semana :)

Alex disse...

Há momentos em que não se pode mesmo adormecer! Quando acordamos já nos passaram à frente...

Um abraço!!!!

Maria disse...

Mas como seríamos nós se não tivessemos causas?

Um beijo

PR disse...

Usar o dedo é feio. Bom fim de semana, abraço.

Rafeiro Perfumado disse...

No meu caso tirei-as para te mandar um abraço.

Afonso disse...

Boa semana ...

soslayo disse...

chuvamiuda:

Precisamos amigo de gritar muitas vezes e, nem por isso deixam de ser inócuos nossos gritos. Adormecer nunca... por que a consciência crítica essa não adormece jamais! Não entrego e/ou pelo menos não aponto soluções que não estejam a vista de todos. Bonito o teu texto. Um abraço poeta.

stela disse...

que coisa tão verdadeira... porque será que sinto tão bem isso?
beijos da narizinho

lurainbow disse...

Senti tanto as tuas palavras ...
Beijos coloridos