05 julho, 2007

espera-me

(fotografia antónio paiva)


espera-me que eu estou quase a chegar
espera-me com o teu vestido de luar
deitada no teu leito de vagas mansas
espera-me que eu estou quase a chegar

espera-me que o amor vai acontecer
pode ser um momento breve
mas nunca será fugaz
espera-me que eu não posso voltar atrás

sussurra-me agora a tua melodia
espera-me tenho a minha alma vazia
faz da tua praia o meu destino
ama-me traz-me de volta o meu sorriso de menino

esbate-me esta loucura
ama-me uma só vez
deixa-me entrar de mansinho
abre-me os teus braços para eu encontrar o caminho

espera-me que eu estou quase a chegar……
antónio paiva

24 comentários:

D. Maria e o Coelhinho disse...

NA NOITE PASSADA APARECEU-ME

O(A) FANTASMA

DA FRUTA

QUE PERSEGUE O COELHINHO.
QUE HORROR!

D. MARIA

eu disse...

Parabéns, belo post.

Mas acho que o amor não vai acontecer-me. Estou só e desgraçada.


D. Galinha

kurika disse...

Certamente que Ela vai esperar...!!!

Eu esperava.

Um xi

João Cordeiro disse...

Belíssimo poema. Certamente que "ela" te irá esperar.


Um grande abraço sonhador

Isabel disse...

Claro que "ela" te vai esperar; "ela" sabe que só andas um pouco ocupado, "juntando as letras" ao espreitares, na "janela do pensamento".
Desculpa o trocadilho mas hoje não dá p'ra mais; melhores dias virão...

Bjt

stela disse...

claro que te espera... para trazer de volta, o teu sorriso menino...
beijinhos

Maria Clarinda disse...

Kindo, lindo este poema!
Jinhos mil

Barão da Tróia II disse...

Um excelente encerro da semana, bom fim de semana.

claudia disse...

olha, mas não a faças esperar muito, sim?!

;)

(desculpa lá a falta de romantismo do comentário! o poema é lindo!)

rascunhos disse...

Belo poema...espero que consigas chegar ao que anseias!

Um fim de semana com muitos momentos felizes.

bjs

Anónimo disse...

vale a pena esperar para ver esse lindo sorriso de menino *******
beijo

ana disse...

pode ser um momento breve
mas nunca será fugaz
..................

Ideia bonita, versos lindos!
Só vinda de ti, António, poeta em todas as tuas fibras.
Abraço.

Bia disse...

"espera-me que eu estou quase a chegar..."
quem não esperaria por estas palavras tão doces e para ver o teu sorriso de menino...
Um momento breve mas não fugaz...
lindo este teu poema.
beijo meu

Afonso disse...

Olá,
belo post. Gostei imenso.
Como é hábito, consegue involver-me nas suas palavras.

Até breve . . .

Maria disse...

Belíssimo este poema....
...mexeu tanto comigo....

Beijinhos e bom fim-de-semana

Kalinka disse...

É hoje o grande dia!!!
Vamos todos saber em quais 7 belezas do Mundo recaem as nomeações, numa festa que se prevê de grande sumptuosidade. Os convidados também são 5 estrelas e, adoraria estar mais perto do Joaquin Cortez, para vibrar com o seu sapateado e não só...
No entanto, seja qual for a classificação final, há um dos monumentos que está a votação, que adoro: o Taj-Mahal, na Índia. Será sem dúvida, um sonho para mim estar ali, fisicamente defronte dele, um dia...o Taj Mahal, será para todo o sempre um lágrima solitária no tempo.

AMIGO, continuo a divulgar os meus passeios pelo Alentejo, a ultima reportagem fotográfica foi de Moura.
Beijitos.
Bom fim de semana.

un dress disse...

e chega-se. nunca tarde...!






:) beijO

Joana disse...

Amigo...


Belo, como só tu sabes fazer!

...e ler-te dá-me sempre o alento para voltar aos sonhos...

Não me canso de te esperar.

Beijinho grande e continuação de bom fim-de-semana

Vieira Calado disse...

Uma bela poesia que eu não conhecia.
Um abraço.

Isabel-F. disse...

maravilha (como sempre ... aliás)
o teu poema


bjs e boa semana

Lia disse...

E não o é?...

Mas porquê s´uma vez???

Um beijo e noite serena

Paula Raposo disse...

Lindíssimo!! Beijos.

marta disse...

Já nem sei como cá cheguei

por certo atraída, por este lindíssimo poema, que conta, por incrível que pareça, parte de vida recente.


Achas que o posso cá vir roubar, fazendo link para o autor, evidentemente?

Josse disse...

sussurra-me agora a tua melodia
espera-me tenho a minha alma vazia
faz da tua praia o meu destino
ama-me traz-me de volta o meu sorriso

Que coisa mais linda. Fico por aqui a me deliciar com seus poemas.
Muito lindo

Beijos