16 junho, 2006

noites

fotografia chuvamiuda

há noites que nascem de murmúrios
há noites que nascem de promessas
há noites que noites brotam a paixão
há noites que se banham nas lágrimas
há noites que se cravam como punhais
há noites que torturam pela insónia desmedida
há noites que amanhecem numa dolorosa despedida

13 comentários:

Rosmaninho disse...

Felizmente que, depois das noites, os dias acontecem...

~*Um beijo*~

Anamargens disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anamargens disse...

Nas noites cabem tantas coisas!
Só são de doloroso amanhecer as noites felizes. Para as noites de insónia e lágrimas, amanhecer é uma libertação.
Depois de amanhecer, há um mundão grande e bonito à nossa espera, com trabalho e gente boa, mais algumas contrariedades também, que de tudo se compõe a vida.
Um dia sereno.
E um beijinho.

pintoribeiro disse...

Percebe-se. Bom dia, abraço.

sofia. disse...

Mas também há noites que antecedem lindos dias...
Beijinho

Luna disse...

Que as estrelas do universo brilhem toda a noite para te iluminar
beijinhos

Tons Pastel disse...

" há noites que noites brotam a paixão" estas são as noites que deveriam ser mais longas. que a paixão brote noite e dia , dia e noite...neste mundo onde todos andam um pouco desapaixonados.
um abraço

alfazema disse...

Olá Chuvinha

Não gosto das noites que amanhecem numa dolorosa despedida. Trouxeste-me algumas recordações tristes de há muitos anos atrás quando saía bem cedo...
Olha dorme um soninho descansado e sonha com uma ardente paixão.
Beijinhos

Claudinha disse...

Mas há noites de encontrar com as estrelas e de se deitar em nuvens. E sempre haverá um amanhecer e um outro anoitecer no pêndulo da vida...
Beijos!

segurademim disse...

há noites de amor intenso
há noites de chorar por mais
há noites de alegria
há noites de celebração
há noites de manjerico

há noites... de sardinha assada ... quentinha

beijos, beijos nesta tarde de goooolo da selecção ;)

Lagoa_Azul disse...

Há noites que nem o silencio ensurdecedor atenuam os sentimentos...

Há noites assim...

Ana disse...

Há noites que vale a pena viver...e recordar pois fantásticos são os momentos que oferecem!!!

musalia disse...

e há noite em que morremos um pouco...

beijos.