14 junho, 2006

submerso

fotografia chuvamiuda

tenho a vida suspensa
o equilíbrio de momento
não é sequer uma miragem
sustenho a respiração
mergulho no eu mais profundo
o silêncio esmaga-me
a dor atordoa-me
o querer desprendeu-se
vou ficar submerso


11 comentários:

Tons Pastel disse...

...não vais ficar submerso, nem a vida suspensa...quem assim trabalha a palavra merece momentos de grande felicidade.
abraço

Luna disse...

deixo-te ficar submerso por momentos no teu silêncio, para depois compartilhares essa sabedoria que só tu sabes
beijocas

sonia r. disse...

Bom feriado Chuvamiuda.

Boa noite.

alfazema disse...

Olá Chuvinha!

Não acredito que, mergulhando no teu eu mais profundo, encontres dor que te magoe. Tens gritado aos quatro ventos as injustiças, tens lutado pelos fracos e indefesos, tens usado a tua voz por aqueles que a não têm, tens denunciado o que está menos bem...
Não te amargures que não mereces viver essas tristezas...
Beijinho doce, soninho calmo e sonha muito

Rosmaninho disse...

Boa noite, Companheiros!

Parabéns pelos vossos olhares, captaram a imagem perfeita, é de suster a respiração!

Nada de perder a Força que sempre demonstraram ter.

~*Um beijo*~

mixtu disse...

hay que tener fuerza
abrazos

Tia Cremilde disse...

vim deixar um olá!

OLÁ!!

dreams disse...

.............. à bientôt...........

detesto despedidas...

um beijo doce *
“·.¸Dreams¸.·”

segurademim disse...

... com movimentos breves e suaves, virás à superfície

(as de sardinha foram as mais solicitadas... mas fazemos mais uma, só para ti!)

beijo

Lagoa_Azul disse...

Deposito uma cana, com o comprimento de um sonho...

Caso queiras respirar,

Anamargens disse...

Não fiques submerso, chuvamiuda.
Vem à superfície e respira fundo: fazes muita falta cá do outro lado.
Faz falta a tua voz, a tua palavra, os teus versos, a tua amizade, a tua doçura para com as outras pessoas, a tua dedicação a boas e justas causas...
Vamos, respira, com força, s.f.f.