05 janeiro, 2007

(fotografia chuvamiuda)
(clicar na imagem)

na vida, tal como no chapéu do mágico, cabem todas as coisas

antónio paiva

31 comentários:

kurika disse...

Bom dia Amigo:

Partilho contigo este momento...de descontração...uma "loira" como dizes, um cigarrinho, dois dedos de conversa... e este cenário maravilhoso...por do sol sobre o mar...

Um xi

Testa Alta disse...

Como Kurika, aceito o convite com o maior prazer.
Pela companhia e pelo local, já justifica a vontade de ir.
Beijinho.

Anónimo disse...

Se cabem! ...
E quantas vezes essas "coisas" nos trazem à memória, momentos mt agradáveis da nossa vida.

beijinho

Isabel-F. disse...

Sem dúvida...

Bela foto ... gosto de ver a espuma agarrada às paredes dos copos...

Bom fim de semana
Bjs

Anónimo disse...

Basta-nos a arte de saber tirar de lá de dentro aquilo que precisamos!

O sítio é perfeito!

stela disse...

agora gostava de estar assim, sentada, a ver o pôr do sol...
Partilho da tua opinião!
beijos

sofia. disse...

Desejo-te um bom ano. :)

lifeyes disse...

Acho mal! Muito mal! Mas muito mal mesmo!! Que nem me tenha chegado um convite!!!!! Amigo da onça

blugaridades disse...

O mar como fundo de uma conversa a dois onde não faltou o prazer de uma bebida fresca. Tudo cabe, de facto, na vida.
Beijinhos

Anónimo disse...

Perdi algum tchim tchim?
aguardo a resposta..... LOL

Poemas e Cotidiano disse...

Que lindo esses dizeres! fiquei pensando neles um bom tempo... "na vida, como no chapeu do magico cabem todas as coisas"... tao verdadeiro! Muito verdadeiro!
Essa foto esta muito bonita. Que lindo o por-do-sol e esses copos..lembra companhia, conversa, silencio, tanta coisa bonita!
Um beijo!
MARY

Um Poema disse...

Absolutamente certo!
Um abraço

Joana disse...

:)

Pois é Amigo, até as coisas boas, neste caso TU!!!

O meu mágico portou-se bem a dar-me amigos como TU!

Beijinhos grandes e boa noite na companhia daquele abraço

Joana disse...

P.S. Estou a ver que gostas de loiras...! :)

(hehehehe)

segurademim disse...

... todas aquelas a que dermos acesso

[parcimoniosos, mesmo elitista, na produção das coisas que entram nos nossos dias... evitando a massificação, a produção em série, as paletes, resmas, montes de absolutamente...]

aqui com a minha caneca de café da manhã, brindo a esse momento único, singelo, sensível... e enfio o chapéu mágico que me disponibilizas, com todo o gosto

beijo vital :)

Opintas / Bernardo disse...

Bom fim de semana.

lifeyes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
lifeyes disse...

Sr burrinho, está a ver aquela casinha, ali mesmo naquela rua , onde está uma porta com um número? Pronto pode enviar o convite para lá
:) bom fim de semana

Anónimo disse...

publicidade a uma nova cerveja?! =)

Guerreira disse...

A foto deixou-me a pensar quem teria bebido esses copos? e se esse cinzeiro teria sido usado por essas pessoas?
E se fazem parte de algo especial ou se foram só mais uns copos? Se valeu apena?....

chuvamiuda disse...

....................
mais uma vez quebramos aqui o hábito, de não responder aos comentários que aqui nos nos deixam, no entanto e por razões diferentes, vamos responder a três:

claudia

como não sei se tem ou não blog, se o tem não consigo lá chegar para lhe retribuir a visita, a qual desde já agradeço

concordo com o seu comentário na totalidade

volte sempre, é um prazer recebê-la


fábula

não, não é publicidade a uma nova cerveja, esta cerveja já existe à muitos anos, é produzida na região onde actualmente vivo e é bastante apreciada, também não sei dizer quanto tempo de existência tem

aqui não não fazemos publicidade a bebidas, mas sim a causas ideias e momentos

:))

agradeço a sua simpática visita e volte sempre


guerreira


penso que lida com um pouco de atenção, a frase responde às suas questões

e mesmo que se tratasse de mais uns copos, nem sempre uns copos se traduzem em excessos ou banalidades

quando queremos dar sentido às coisas,
ou seja retirar delas a essência, mesmo os momentos desprovidos de elevado conteúdo cultural, são extremamente importantes e válidos

o importante mesmo importante, é não pensarmos que apenas aquilo que cada um de nós faz ou diz, tem significado, faz sentido, ou tem lógica, pois nesses casos estamos a cercear, o direito de cada um de ser e estar como na realidade merece, ou faz por merecer

o meu muito obrigado pela visita e volte sempre, é bem vinda

Nilson Barcelli disse...

E se cabem...
Mas algumas teimam em não entrar.
Um abraço.

kurika disse...

Bom fim de semana...

Beijinhos...

amigona disse...

Burrinho, tenho tido problemas em postar (vamos lá a ver se é desta!)...beijo...

Anónimo disse...

chuvamiuda

Realmente não tenho blog. Ainda acho que não tenho "força de expressão" para conseguir sustentar um blog.
Por isso vou visitando os dos outros e o seu é um deles.

Vou passando por aí!

Anónimo disse...

Boa semana!

Anónimo disse...

Que todos os teus desejos para 2007 "caibam" dentro do chapéu que os irá concretizar ;)
Beijocas**************

Anónimo disse...

chuvamiuda:

Cabe sim senhor e uma cervejola também... e gostos não se discutem... Um Ano estrondoso para ti e os teus cheio do melhor meu amigo. Um abraço.

Anónimo disse...

de facto não conheço essa cerveja, nunca a vi à vende, nem lhe vi publicidade feita...
aprecio sempre ideias, causas e bons momentos! ;)

inBluesY disse...

sem dúvida, e nada melhor que a simples amizade.

vale_mais_que_tudo disse...

os homens e as loiras...
loiras de beber e loiras de comer...
loiras de olhar e loiras de sobejar...
só podia ser o bicho homem a fomentar tanto amarelo na vida...
beijos com ou sem safadeza??
escolhe...loool ;o)