16 fevereiro, 2006

Outras Caricaturas

O estado caótico e desnorteado da justiça em Portugal, leva-a em desespero de causa a tomar atitudes, que em nada benificiam a sua imagem e credibilidade.
O facto de tomar iniciativas muito questionáveis, tais como efectuar escutas telefónicas sem ter em conta o sentido das mesmas, leva a justiça que temos a esconder provas daquilo que investigou.
Leva-a também a perseguir de forma atabalhoada, todos quantos põem a nu os seus abusos de poder, a sua falta de transparência e imparcialidade.
O seu símbolo de igualdade de tratamento e imparcialidade, a balança, está cada vez mais desiquilibrada. Visão Online, O Burro Oferece-se Para Procurar Relatório.
O nosso muito obrigado.

9 comentários:

segurademim disse...

... se tiveres muito dinheiro, terás tratamento imparcial!! vidé fátima felgueiras

;)

sonia r. disse...

Bom dia Chuvamiuda.
Bjo.

Joana disse...

Ai burro...sempre tão pertinente!!!

Se todos fossem assim...

Beijo para todos

Águas da Vida disse...

Pude ver que es fan do burro! (risos) Achei super lindo essa dedicaçao a uma especie animal.
Obrigada pela sua visita volte mais vezes. Aproveita visita meu outro cantinho que fala dos animais.
http://preserveoplaneta.blogspot.com

Big Kiss

Ana disse...

Isto por si só é já muito grave, mas para agravar ainda mais as coisas, violam direitos que considero essenciais de profissionais, os jornalistas, que querem da melhor forma possivel dar a conhecer ao público o que se passa!

clotilde disse...

ahahahahah

É uma república das bananas!!!

Rosmaninho disse...

O Burro tem sempre razão.
Um Burro assim merece um beijo e uma boa noite.

Carlos Estroia disse...

Haverá certamente mais dias que chouriças e a procissão ainda agora vai no adro.
Esperemos para ver...
Mas parece-me que a judite anda chateada com alguma coisa... não sei se é uma perseguição aqueles que lhe minaram o trabalho, para que tudo seja(pareça) muito dúbio.
Se é uma verdadeira caça às bruxas, para mostrarem que afinal tinham razão. Esperemos então

Abraços

Anamargens disse...

A Judite não havia de andar chateada ? Cortam-lhe no orçamento e "mijam-lhe" no trabalho...
Desculpe aquele verbozito malcriado, faz favor.